Rio Claro / SP

(19) 2111-6015

Notícias

22/03/2019

Missa abre as comemorações dos 90 anos da presença claretiana em Rio Claro

Na manhã de hoje, 22 de março, alunos, pais e responsáveis, professores e colaboradores do Claretiano - Rede de Educação participaram da Missa de Abertura das Comemorações, que marca o início das atividades relacionadas aos 90 anos da presença claretiana em Rio Claro.

Entre os presentes estavam os participantes do CECLAB - Educação Básica, que são coordenadores e colaboradores das oito unidades de colégio do Claretiano - Rede de Educação (em Rio Claro, Batatais, Boa Vista, São Paulo, Marabá, São Miguel do Guarporé, Belo Horizonte e Taguatinga). O CECLAB teve início no dia de ontem e teve a cidade de Rio Claro como sede escolhida por conta das comemorações.

Também estiveram presentes alunos do Claretiano - Colégio de Rio Claro e seus pais e professores, colaboradores do corpo técnico-adminsitrativo do Claretiano - Colégio e Claretiano - Centro Universitário, além de colaboradores da TV Claret e Claretiana FM e do Centro Social e Esportivo Claretiano - Projeto Terra Nova. A missa foi celebrada pelo Pe. Ronaldo Mazula CMF e contou com a participação do Reitor do Claretiano - Centro Universitário de Rio Claro, Pe. Luiz Claudemir Botteon, o vigário da Paróquia São Pedro e São Paulo, Padre João Carlos Santim CMF, o Diácono e Reitor de Ação Comunitária e Extensão, Prof. Ângelo Zadra, o vigário da Paróquia São Pedro e São Paulo, Pe. Suade José Suade, o Diretor do Claretiano - Colégio de São Paulo, Pe. Cláudio Bastos e o Superior da comunidade religiosa e pároco da Paróquia São Pedro e São Paulo, Pe. Jorge Pinheiro CMF.

Agradecemos a participação de todos e, em breve, mais atividades e comemorações estarão disponíveis para a comunidade. A TV Claret cobriu o evento, clique aqui e confira.

Sobre os 90 anos

Para entender essa trajetória é preciso conhecer um pouco da história da cidade e dos Missionários Claretianos individualmente. Essa contextualização é essencial para se entender o desenvolvimento da missão claretiana, então, vamos lá!

Missionários Claretianos

A Congregação dos Missionários Claretianos foi fundada em 16 de julho de 1849, em Vic, região da Catalunha, na Espanha, criada por Antônio Maria Claret e mais cinco amigos sacerdotes. O objetivo deles consistia em anunciar o evangelho de Jesus Cristo para o mundo, de todas as formas possíveis, por meio de trabalho missionário. A partir daí, a Congregação se difundiu pelo mundo. Desenvolveu atividades apostólicas em paróquias, esteve presente nos meios de comunicação e no desenvolvimento de obras sociais, além de promover a educação humanizada, formando leigos, voluntários e agentes de pastoral. No Brasil, a história dos missionários começou em 1895 e desde então só cresceu.

Rio Claro, São Paulo

A cidade de Rio Claro, por sua vez, começou a ser construída em 1817 com a chegada de grandes fazendeiros e seus escravos na região. A cidade, antes povoado, freguesia e vila de São João Batista do Rio Claro, em 1857 foi emancipada, se tornando Município de São João do Rio Claro. Em 1905, a cidade muda o nome novamente, se tornando a atual cidade de Rio Claro. A história dos Missionários Claretianos em Rio Claro começou em 1929, com a criação do Seminário Claretiano. Nesse ano, foi aberto o Escholasticado ou Seminário Claret, que durante os anos foi ampliado por conta da alta demanda de jovens que iniciavam seus estudos religiosos. No seminário, os jovens eram ensinados desde a educação básica, no Seminário Menor, até os maiores níveis de formação, como Filosofia e Teologia. O seminário funcionou até o ano 2000, quando foi transferido para Campinas, encerrando a fase de formação sacerdotal em Rio Claro.

Expansão na educação e comunicação

Durante esse período, mais especificamente em 1971, foi criada a Sociedade Rioclarense de Ensino Superior, que em parceria com os Claretianos, fundou a FACCO – Faculdade de Ciências Contábeis (1972), a FATERC – Faculdade de Tecnologia de Rio Claro (1972) e a IPETERC – Instituto de Pesquisa de Tecnologia de Rio Claro (1981). Em 1990, além dos investimentos em educação, a Sociedade Rioclarense de Ensino Superior fundou a TV Rio Claro.

Entre os acontecimentos marcantes da TV Rio Claro estão: a parceria com a TVE do Rio de Janeiro, a 1ª transmissão de debate ao vivo entre candidatos à prefeitura de Rio Claro e a 1ª transmissão do horário eleitoral gratuito.

Em 1996, os Missionários Claretianos assumem a Sociedade Rioclarense de Ensino e, no ano de 1997, todas as instituições de ensino, incluindo aqui o tradicional Colégio Integrado Universitário (neste momento chamado de Colégio Anglo Claretiano), passam a funcionar nas dependências do Seminário, ofertando os cursos de Direito, Administração e Comunicação Social. É neste momento que as antigas faculdades ligadas à Sociedade Rioclarense de Ensino passam a ser conhecidas como Faculdades Integradas Claretianas. Quanto ao Colégio, desde que foi assumido pelos Missionários Claretianos, passou por diversas alterações de sistema de ensino, nomenclaturas e direção, até que, em 2005, foi transformado em Colégio Claretiano.

Também em 2005, é fundado o Projeto Social Terra Nova, ampliando as atividades sociais dos missionários em Rio Claro e são iniciadas as transmissões da Rádio Claretiana FM.No ano seguinte, tendo em vista o crescimento no setor de comunicação, é fundada a Rede Claret de Comunicação, englobando a emissora de TV e a de rádio. Dez anos depois, o ano de 2015 é marcado pela formação de uma nova estrutura: o Claretiano – Rede de Educação que, desde então, uniu as unidades educativas do Brasil, amparada em uma Missão: "Capacitar a pessoa humana para o exercício profissional e para o compromisso com a vida, mediante uma formação integral. Esta missão se caracteriza pela investigação da verdade, pelo ensino e pela difusão da cultura, inspirada nos valores éticos e cristãos e no Carisma Claretiano que dão pleno significado à vida humana". A missão faz parte do Projeto Educativo Claretiano, desenvolvido em 2012.

Em 2018, o Claretiano - Faculdade de Rio Claro se tornou Centro Universitário, iniciando uma nova fase de conquistas na cidade. Com essa atualização, a instituição se torna autônoma na oferta de cursos de graduação e pós-graduação e confirma a sua tradição de qualidade na educação.

Hoje, o Claretiano está presente em todos os estados brasileiros e 4 países, oferecendo cursos de graduação, pós-graduação e extensão nas modalidades presencial e distância e em oito cidades, com colégios.