Notícias

09/06/2021

Paulo Lima, jornalista, conversa com alunos dos 2ºs anos

Paulo Lima, formado em jornalismo e funcionário da TV Claret, esteve nesta semana com os alunos dos 2ºs anos para conversar sobre as notícias, tema trabalhado em sala de aula pelas professoras.

Com exemplos sobre Coronavírus, vacinação da gripe e incêndios, Paulo mostrou que a produção de um jornal, seja ele impresso, digital ou televisionado, é uma atividade muito dinâmica, já que as notícias mudam a todo instante.

Trouxe manchetes dos últimos dias como: o número de vacinados contra a COVID no final de semana e que a procura por vacina da gripe continua baixa em Rio Claro, demonstrando a relevância das informações para a população. Relembrou que o lide, já estudado por nossos alunos, deve conter informações básicas sobre o conteúdo e responder a seis perguntas: o que, quem, quando, onde, por que e como.

Em relação ao corpo do texto, Paulo reforçou que o jornalista não pode “inventar” informações e precisa de especialistas no assunto para entrevistas. Deu como exemplo que as informações sobre a COVID devem vir de um médico e seu nome deve ser citado na reportagem. Já em relação às fotos e fotos-legenda, Paulo reforçou que elas não devem expor pessoas e que estas ilustram a notícia, sendo posicionadas em qualquer lugar do texto.

Paulo reforçou a necessidade de, tanto repórteres, jornalistas e cidadãos, verificarem se a notícia é verdadeira. No caso dele, as checagens são feitas com pessoas confiáveis como bombeiros, juízes, defesa civil, órgãos do governo e sites de referência. “Muitas vezes uma notícia pode ser até verdadeira, mas antiga e, por isso, a importância do autor e a data de publicação”, disse Paulo.